Saltar a navegação

Um gajo desenvolve aptidões muito interessantes depois dos 30. Eu tenho sido requisitado para ajudar gente a fazer compras pelo telefone. Gente próxima, bem entendido – embora isto bem aproveitado pudesse render algum dinheiro! Sim, porque eu sei onde está a Amukina no Pingo Doce e a massa brick no Continente. Foi a minha obsessão pelos tachos que me tornou num profundo conhecedor das prateleiras de todos as quitandas da minha terra e arredores. E fui hierarquizando as grandes e menos grandes superfícies: a melhor para comprar hortaliças, a que tem mais ingredientes asiáticos, a que tem mais cogumelos secos, as piores horas para fazer compras e – porque o resto são cantigas – os sítios com as clientes mais giras.

E um tipo saber qual é o supermercado que tem a melhor relação entre clientes giras e variedade de cogumelos frescos é um asset do caraças. Poupava muita carantonha de desagrado aos gajos que encontro às vezes a fazer de conta que sabem escolher mangas.

Cheguei, pois, a conclusões empiricamente infalíveis. O Pingo Doce de Celas é o que tem as clientes mais giras. Mas só ao fim da tarde. Claro que para lá chegar, é preciso puxar-se do CR9 que há em nós e driblar dois junkies e três indivíduos (de outra nacionalidade que não posso dizer porque seria bué intolerante da minha parte). Convém estar em forma, portanto. Ou levar 1 euro à mão. Ah! Mas depois vale a pena.
Era capaz de vos hierarquizar isto também para apreciadores mais kinky. Mas podia ser processado. Voltaremos, mas para falar dos sítios com mais variedade de algas.

Anúncios

12 Comments

  1. 🙂 se falas assim aos trinta(s) nem sabes o que te espera depois do pós adolescência!!! O post está uma delícia, e agora tens que te aguentar com esta. Não me digas que não condiz com o tom, com a tónica, com as algas e a alusão ao universo kinky. Celas é longe p’a burro senão eu juro que ia lá só para aferir da infalibilidade de tão fascinantes conclusões empíricas. E, quem sabe, acrescer à lista de clientes giras!!!

    • 🙂 Ah. Não duvido.
      Isto tem potencialidades. Dava um livro: diz-me onde compras as verduras e dir-te-ei quem és. Ou, trocando os géneros, dava pelo menos um episódio do “Sexo e a Cidade”.

  2. eu ainda não sei se me sinto lisonjeada ou ofendida…

    • Depende. Onde fazes compras?

        • franksy
        • Posted Setembro 1, 2010 at 9:45 am
        • Permalink

        pois… durante muitos anos foi no pingo doce de celas! Agora, já é muito diversificado…

        se nunca fui gira, então agora devo estar mesmo no fim da linha… 😉

  3. Eu vou ali ao Pingo Doce da rua do Brasil… Diz-me, quem sou?!
    Se fosse um solitário reformado na casa dos 70, um senhor de cor – bah! cor temos todos! Um preto! – da obras circundantes da referida rua ou já inquilino da região, uma família obesa de péssimo gosto alimentar (e não só), estaria no sítio certo. Será por isso que quando lá vou me sinto um pouco deslocado?

    Por falar em Sexo e a Cidade, és a minha Carrie preferida! (presumo que não queiras ser mais nenhuma…)

    Olha, já agora, como é que se escolhem mangas?

  4. Esse é péssimo aos domingos à tarde. E tem aquele estacionamento onde parece que filmam as perseguições do 24.

    Mangas são fáceis. Pior era se me perguntasses pelos melões. Ainda hoje acho que isso tem tanta ciência como descobrir água com uma vara.
    As mangas têm de cheirar mesmo bem. Devem ser firmes, mas deves conseguir fazer uma ligeira pressão com os dedos na casca. Se forem mesmo duras estão verdes. Depende do tempo que demora até as usares: elas amadurecem em casa.

  5. Esqueceste-te de referir que as mangas melhores são as que viajam de avião, especialmente se vierem à janela. E essas são as mais caras e as mais cheirosas. É quase infalível. Em casa, como muito bem sublinhas, todos amadurecemos. em princípio. uns melhor outros mais ou menos, etc. Ah, e fizeste muito bem em não duvidar da minha boa presença no teu supermercado, foi uma boa aposta cinematográfica. 🙂

    • gosto da ressalva: uns melhor, outros mais ou menos. Amadurecer ao ar livre é melhor. As que vêm por avião devem passar mais tempo na árvore.

  6. por enquanto, o jumbo consegue ser o mais-melhor-bom dos super, simpatia, preços (cuidado! produtos para felino são muitas x espantosamente mais baratos no continente do coimbra shoppén) e proximidade de casa’mia 8)

    continente do fórum*, só se não tiver mesmo-mesmo-mesmo outra hipótese, odeio aquela polícia dos sacos à entrada e não permito que me agrafem, colem ou juntem sacos ao que trago nas mãos, bof!

    *aliás, vou ao fórum umas 3 /4 x por ano

    continente do coimbra shoppén é chato quando chove, mas muito arrumadinho e limpinho, gosto mais dos frescos do que dos do jumbo, já as massas frescas, deixa a desejar
    anyway compro frescos na mercearia ou no mercado

    gosto bastante do novo pingo doce, mesmo
    o da rua do Brasil levava uma bela esfrega com lixívia
    o de celas, (pergunto-me, serei gira?…) não consigo sair de lá sem a sensação de que andei num round de roça rabos e pernas com os outros clientes entre prateleiras
    o da baixa só para emergências

    mercearias: o rei da fruta frente ao BCG, a mercearia de S. Sebastião, o Sr Leandro no Bairro (agora até faz entregas ao domicilio e tem pagamento multibanco!)
    NUNCA-JAMAIS vou ao Sr. Luís do Bairro, por melhor aspecto que tenham as bancas, o homem é execrável, rouba no peso, é rude, mistura produtos e tem sempre coisas fora de prazo

    o mercado da baixa ao Sabado: adoro! venho sempre feliz de lá
    talhos: os dois do Bairro
    padarias: paraíso do loreto (belo pão de água!) e a vasco da gama do Bairro, embora tenha perdido o charme ao ser anexada à pastelaria 😥

    de x em quando gosto de ir espreitar o Lidl ao Loreto, os queijos e tal

    o pior supermercado de todos os tempos não temos em Coimbra (praise’da’lord) é o intermarché, ganha um prémio a pessoa que me apontar um que seja decente, limpo e com funcionários competentes

    end of report

    • Margarete, acabas de ganhar o prémio “Mercearias 2010”!

    • Margarete: já li o teu report umas três vezes. Ainda estou impressionado. Olha que nós podíamos escrever um guia sobre supermercados e hortas urbanas.

      O jumber tem os legumes menos frescos da região autónoma da sólum e uma caixa amiga do ambiente que às vezes está fechada. Para seres amiga do ambiente, trazes os legumes deles directamente para a compostagem. Mas isto é só de vez em quando.

      O fórum é um sítio de estudo antropológico. Não é para comprar mercearias. A única vez que estive para reclamar num supermercado foi lá. E quanto a clientes giras é zero vírgula cinco, sobretudo depois do jantar. Vou ao do vale das flores por razões afectivas. Um gajo nunca esquece o primeiro amor. E bem vistas as coisas é o mais equilibrado.

      O novo PD tem bom aspecto, clientes giras de um bairro chic das redondezas aos sábados de manhã e uma senhora muito mal humorada a quem eu já respondi torto (mas o meu torto foi tão politicamente correcto que ela nem percebeu, ou então está mal habituada). Eu mudei-me para lá, definitivamente. A última vez que fui ao da baixa ainda se devia chamar Inô! Cruzes.

      Mercado sempre. Adoro quando tenho tempo. Clientes giras abaixo dos 65 anos, com depilação do buço completa, zero vírgula um.

      O lidér é deprimente! Paredes de cimento. Parece um supermercado da roménia. E é mito a cena das bolachas e dos chocolates bons e baratos. Feio por feio, prefiro a Makkro que tem sempre legumes frescos e raíz de aipo.

      Padarias a sério, só na baixa!
      Mercearias gostava (na verdade, gostava era de ter uma!), mas não uso. Há uma com bolos e bolachas óptimas, mas deixei de lá ir quando me começou a irritar a coimbrice do senhor doutor. Adorava fazer compras no bairro – deve ser dos meus sítios preferidos – mas é longe como tudo.

      Talho é o de Celas – believe me!

      De acordo em relação pior supermercado de todos os tempos 🙂 Implosão com isso. E mete lá o dia, da baixa. (dia ou minipreço? whatever!)


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: