Saltar a navegação

A quantidade de lugares-comuns que se escrevem no FB quando morre alguém conhecido é assustadora. O meu preferido é o do vazio difícil de preencher.

Anúncios

6 Comments

  1. A quantidade de desculpas que se tomam para usar o FB inutilmente é assustador…

    A prisão a que o FB já sujeita é assustadora…

    O FARMVILLE é assustador!! e os convites e pedidos de ajuda constantes para limpar o rabo à vaca é assusatadoramente assustador…

    A quantidade de coisas partilhadas no FB que tornam a vida de um serial killer tão mais fácil é assustadora…

    A quantidade de anormalidades que se fazem e dizem por causa dos perfis do FB são inquietantes e assustadoras…

    Este fim de semana tive um casamento: “Epá coitado do Afonso, a namorada até lhe controla o que ele pode ou não dizer no FB”

    next stop: NUT HOUSE!

  2. Pois, a dimensão do FB nas nossas vidas já deve estar a dar teses.

    E também me delicia a discussão em torno da intimidade/exposição na net.

    Deliro com as mensagens públicas no FB entre pombinhos: “amorzinho-mais-que-tudo-és-o-melhor-namorado-do-planeta-e-logo-já-vamos-estar-juntos-não-te-esqueças-de-comprar-creme-para-o-meu-pé-de-atleta-já-que-passas-na-farmácia”.

  3. hehehehe Eu juro por todos os deuses que isto que aqui deixo é a pura das verdades. Tão pura quanto os cozinhados deste generoso autor. Por favor acreditem porque é mesmo verdade, não é manobra de charme, mas é que não é MESMO, eu preciso lá desses artifícios. É que não foi à primeira, ne em sequer à segunda ou à terceira, que eu discerni que FB deve ser facebook. Isto sim é vazio difícil de preencher. Uma lacuna que pica na língua como os rabanetes abençoados da horta do Cook. Tell me why.

    • Não precisas, não senhora!
      é a minha tentativa de parecer a la page? Não me parece uma lacuna que te prejudicasse…

  4. essa dos lugares comuns [podias ter escolhido outro termo, não podias?!] não é – de todo – exclusiva do fb!
    temos aqui 2 discussões bastante distintas:
    – o fb
    e
    – os clichés [!!!] aquando da morte de alguém!

    há que separar as águas, caríssimo cooker…

    • não pode ser assim tudo misturado?
      é verdade o que dizes. Mas na tv e nos jornais os clichés (não gosto, mas está bem; chavão é pior) eram um feudo da intelligentsia. Agora não. E eu acho isso maravilhoso.


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: